Destaque

Sintab realiza assembleia com servidores da saúde nesta quinta

 

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos do Agreste da Borborema (Sintab) realiza nesta quinta-feira, 06 de julho, uma assembleia com os servidores da Saúde de Campina Grande.

O encontro acontecerá no Cine Teatro São José, a partir de 9h30, para apresentar os pontos discutidos com a secretária de Saúde do município, Luzia Pinto, em reunião realizada no dia 28 de junho.

Durante o encontro, o Sintab conseguiu alguns avanços e cobrou outros, nas negociações com relação às reivindicações dos servidores da Saúde do município.

A primeira sinalização positiva é o encaminhamento para a Procuradoria Municipal, até o final da semana, dos nomes que deverão compor a Comissão de Avaliação do Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) da Saúde.

Já com relação ao Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB), a secretária Luzia Pinto acatou o rateio de 60% dos recursos para quando faltar um dos componentes da equipe e, sobre o pagamento propriamente dito, garantiu que a lista dos servidores já está sendo finalizada e portanto, não haverá atraso para o próximo ciclo.

Sobre o fardamento dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes Comunitários de Endemias (ACE), assim como jaleco para os enfermeiros, médicos e odontólogos, que estão defasados, Luzia Pinto enfatizou que o material já foi licitado. Outro ponto discutido foi o enquadramento da categoria na letra C, que depende de um dispositivo que deve ser aprovado pelo prefeito Romero Rodrigues. Uma nova reunião está prevista para o dia 17, para discutir novamente a questão, já com esperança de resposta positiva da Prefeitura.

A partir deste último encontro, o vice-presidente do Sintab, Giovanni Freire, espera que haja alguma resolução para os problemas dos trabalhadores. “A nossa primeira busca é sempre uma negociação. Na verdade a avaliação que a gente deve fazer é para que o diálogo venha com a execução dos acordos firmados em reuniões, porque ultimamente, vários acordos foram firmados e não foram cumpridos”, avaliou.

Paraíba em Destaque com Assessoria

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo