Destaque

Sintab cobra reabertura do BB de Lagoa de Seca, fechado desde janeiro

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema (Sintab), em solidariedade aos servidores e demais usuários do Banco do Brasil (BB) de Lagoa Seca, cobra a reabertura da agência, fechada desde janeiro, quando foi alvo de mais um ataque de bandidos.

O posto de atendimento foi explodido na madrugada do dia 26 daquele mês e desde então, os servidores precisam se deslocar até Campina Grande sempre que precisam realizar alguma operação bancária.

“Está todo mundo prejudicado porque o Correio também foi explodido, então as pessoas precisam ir até Campina pra poder sacar o dinheiro ou realizar qualquer outra operação e isso está prejudicando todo mundo. Para piorar, há alguns dias me informaram que não tem previsão nenhuma para reabertura”, lamenta a diretora do Sintab em Lagoa Seca, Dayane Vanderlei Muniz de Souza.

No último dia 13 de julho, a Superintendência do BB na Paraíba confirmou o recebimento de ofício encaminhado pelo Sindicato no dia 07, solicitando o “retorno dos serviços de saque de dinheiro na agência bancária do município, reforçando que a ausência no oferecimento do serviço prejudica sobremaneira os trabalhadores”, mas não houve resposta até o momento.

Enquanto isso, os usuários continuam tendo que gastar com ônibus, alternativo ou outro tipo de transporte, para poder realizar os saques, o que eventualmente pode acarretar ausência no trabalho, prejudicando ainda mais o servidor.

A assessoria de comunicação do Sintab tentou, mas não conseguiu contato com a Superintendência do BB na Paraíba até a divulgação desta matéria.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo