Paraíba

Saiba quem são os 8 mortos suspeitos de matar PM e outros crimes em PE

Foto: Reprodução PBHoje

Os oito mortos suspeitos de envolvimento na morte do PM André José da Silva, 32 anos, e de outros crimes, eram amigos e familiares entre si, moravam em Betânia, no Agreste de Pernambuco e cidades vizinhas. Eles foram mortos na operação das polícias militares de Pernambuco e da Paraíba, na manhã desta terça-feira (2). Dentre os mortos está o  vereador Andson Berigue (PP). ‘Nanaca’ como era conhecido, foi eleito em 2016 com 482 votos, em Betânia.

De acordo com a PM, além de envolvimento com o grupo criminoso, o vereador era suspeito de vários assaltos a bancos e outros crimes cometidos em Pernambuco. Ele teria ido até Barra de São Miguel resgatar o irmão, conhecido como Galego de Lena, líder da quadrilha e um dos participantes do assalto em Santa Cruz do Capibaribe que terminou com a morte do PM. Um primo deles, conhecido como Edys de Gevan, também morreu na operação.

Também estão entre os mortos um homem conhecido como Wellington Cabeludo e duas mulheres identificadas como Marcela Virgina e Raniere Alves, uma delas manteria um relacionamento com Galego de Lena. Os outros dois corpos são de José Pedro Agostinho e Manoel José.

Wellington e Galego tinham mandados de prisão expedidos contra eles. O primeiro por um assalto a uma lotérica, e o segundo por sequestro de um funcionário do Bradesco.

A população de Barra de São Miguel, assustada com a troca de tiros e forte presença policial, acompanhou o desfecho do caso e o trajeto do automóvel da PM que levava os corpos.

Foram apreendidos o dinheiro do roubo em Santa Cruz do Capibaribe, duas pistolas 380, dois revólveres 38 e uma espingarda calibre 12 de repetição, que foi utilizada na ação criminosa.

Entenda o caso aqui

 

Paraiba todo dia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo