Notícias

Romero não quer antecipação de nome da ‘unidade das oposições’

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), afirmou que não vai chamar para si a responsabilidade de decidir se será ele ou o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) o candidato do PSDB para o governo do Estado nas eleições de 2018. De acordo com Romero, que se coloca como pré-candidato, a mesma pretensão que ele tem hoje, Cássio já teve em um passado recente.

“Eu não vou chamar para mim essa responsabilidade. Acho que a mesma pretensão que tenho hoje ele teve no passado e se concretizou”, disse.

O tucano também afirmou que não tem a intenção de que a oposição antecipe o nome que vai encabeçar a chapa da unidade das oposições. E disse ainda que ”vai jogar o jogo conforme a regra”.

“Se combinarem com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e mudarem a data do calendário eleitoral, eu estou junto. Tenho a impressão que não tem como mudar o dia 7 de outubro desse ano. Se não tem como mudar, quem tem prazo não tem pressa. Eu vou jogar o jogo conforme a regra, disse o prefeito”, afirmou.

PORTALCORREIO

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo