Sem categoria

Mulher pode ter sido morta com mais de 50 facadas em Campina Grande

 (Foto: Reprodução)

Uma jovem de 23 anos foi morta a facadas na noite dessa quarta-feira (30), no bairro Catingueria, em Campina Grande. A suspeita é de que houve feminicídio, uma vez que o principal suspeito é o ex companheiro da vítima. Ele a teria matado na casa da ex-sogra, na frente de um dos filhos, de 3 anos.

Conforme o cirurgião que prestou atendimento, Ronaldo Gadelha, ela pode ter sido ferida com mais de 50 facadas, é o que o Instituto de Medicina Legal (IML) irá apurar. Ela apresentava perfurações do tórax até a cabeça e teve que ser entubada, porém não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madrugada desta quinta-feira (31). Até o fechamento desta matéria ninguém havia sido preso.

A mulher tinha terminado o relacionamento a cerca de três meses, e a suspeita é de que o homem não aceitava o fim do relacionamento. Ela teve três filhos, um deles com o suspeito, uma criança de dois anos e cinco meses.

No Trauma

A vítima foi socorrida para o Hospital de Trauma do município por uma viatura da Polícia Militar. Segundo o médico responsável pelo atendimento da vítima, a paciente deu entrada no hospital ainda consciente, mas entrando em estado de choque.

*Com informações de Hiran Barbosa da Rádio Correio Sat

Por Mayara Oliveira

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo