Paraíba

Morte do apresentador Jota Júnior completa um ano

(Foto: TV Correio)

Há exatamente um ano, a Paraíba se despedia de um dos maiores comunicadores de sua história. Josival Júnior de Sousa, o Jota Júnior, apresentador da TV Correio, morria aos 52 anos, em Belo Horizonte, Minas Gerais. Jota tinha se afastado da televisão cerca de um ano antes, após receber diagnóstico da necessidade de um transplante de pulmão.

O quadro de saúde se agravou e, antes de estar pronto para receber o novo órgão, ele precisaria cuidar de um problema no coração. Jota Júnior viajava para Porto Alegre, Rio Grande do Sul, quando passou mal. O avião acabou desembarcando na capital mineira, onde o comunicador sofreu parada cardíaca e faleceu.

Josival Júnior de Sousa nasceu em Campina Grande e tornou-se conhecido em todo estado ao comandar o programa Correio Verdade, da TV Correio. Ao conseguir visibilidade, ele adentrou na política e foi eleito prefeito da cidade de Bayeux, na Grande João Pessoa, em 2004. Quatro anos depois, ele foi reeleito.

Após os mandatos como gestor municipal, Jota Júnior voltou para o jornalismo policial e assumiu a apresentação do Cidade Alerta Paraíba. Em abril do ano passado, ele precisou se afastar da TV por conta da necessidade de um novo pulmão. Ele se mudou para Fortaleza, Ceará, onde iniciou o tratamento.

No entanto, um problema no coração fez com que Jota voltasse para João Pessoa em fevereiro deste ano. Sem tratar a doença no coração, o apresentador não poderia passar pelo transplante. Antes de embarcar para Porto Alegre, onde ele cuidaria do coração, Jota gravou um vídeo agradecendo o carinho de toda Paraíba e também do Sistema Correio.

PORTAL CORREIO

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo