Paraíba

Massaranduba/PB: Câmara só trabalha uma vez por semana, mas presidente já torrou quase R$ 67 mil com combustíveis e locação de veículos

Apesar do momento de crise financeira, onde a maioria dos administradores públicos se queixam de falta de recursos, a presidência da Câmara de Vereadores da pequena cidade de Massaranduba, no Agreste do estado, comprova que pelo menos com combustíveis e locação de veículos, não existem motivos para economizar. Em apenas 15 meses de gestão – incluindo dois recessos que somam quase 90 dias – o atual presidente do Poder Legislativo já torrou quase R$ 67 mil dos cofres públicos.
Os dados são públicos e podem ser acessados por qualquer cidadão através da plataforma Sagres do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, disponível no endereço eletrônico sagres.tce.pb.gov.br. Lá é possível acompanhar os pagamentos feitos mensalmente pela gestão do vereador Elias Angelino dos Santos (PSDB), que em menos de 10 meses de trabalho, não tem economizado quando o assunto é garantir o seu conforto.

Nos meses de Janeiro e Fevereiro ano passado, Elias começou a pagar a mensalidade de R$ 3mil pela locação de um veículo modelo Fiat Siena ano 2013, locado em nome de Marcelo De Araujo Santino. Depois, o presidente da Câmara começou a efetuar o pagamento mensal, no mesmo valor, para a empresa Marth Celia Vasconcelos de Araújo, que vem prestando os serviços até hoje – inclusive continuou recebendo pelo serviço mesmo nos períodos em que a casa legislativa estava em recesso.

Já os gastos com combustíveis também foram bem interessantes, levando em consideração que a Câmara de Massaranduba realiza apenas uma sessão por semana. De Janeiro de 2017 a Março de 2018, já foram pagos mais de R$ 21 mil.

VEJA ALGUNS DOS PAGAMENTOS:

 

 

Por

Márcio Rangel

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo