Paraíba

Fazenda do Sol em Campina acolhe refugiados venezuelanos

Foto: Reprodução

A Fazenda do Sol, em Campina Grande, que é muito conhecida pela contribuição no acolhimento e tratamento de dependentes químicos, vai acolher, a partir desta quinta-feira (05) imigrantes venezuelanos. De acordo com o Padre Sérgio, diretor da Fazenda, vieram 44 venezuelanos para serem acolhidos na arquidiocese de João Pessoa e na Diocese de Campina Grande, mas para Campina virão apenas cinco.

Segundo explicou o diretor, o primeiro objetivo é dar condições dignas aos refugiados e depois tentar uma vaga para eles no mercado de trabalho.

“Nos colocamos a disposição para acolher os refugiados da Venezuela. O propósito primeiro é a acolhida. Dar alimento e meios para que eles possam ter condições dignas, e em seguida ver a possibilidade de colocá-los no mercado de trabalho. Essa é a preocupação, somos todos irmãos e temos que agir com solidariedade”, disse.

O acolhimento ocorre “em virtude da situação econômica da Venezuela e uma ação solidária”, esclareceu o padre.

Muitos venezuelanos estão deixando o país há vários meses devido a forte crise onde não há comida, dinheiro, nem trabalho e, muitos deles, entraram no Brasil pela cidade de Roraima, que faz fronteira com o país vizinho.

No caso da Paraíba, os refugiados ainda estão em João Pessoa vendo questão do protocolo para fazer os encaminhamentos.

Paraiba Todo Dia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo