Paraíba

Embrapa de Campina Grande não vai fechar, informa senador

Está descartada a possibilidade de desativação da unidade da Embrapa em Campina Grande, como consequência de um processo de reestruturação administrativa da empresa estatal ligada à agropecuária.

A garantia nesse sentido foi dada pelo próprio presente da empresa, Maurício Antonio Lopes, em contato mantido com o senador Raimundo Lira (PB), líder do MDB no Senado.

A Unidade sediada em Campina tem cerca de 200 servidores e se dedica principalmente às questões ligadas à cultura algodoeira.

Foto: Ascom

Foto: Ascom

As informações sobre as ameaças à continuidade da Embrapa em Campina surgiram quando foi divulgado o lançamento de um PDV (programa de demissão voluntária), bem como a redução de quatro das 46 unidades que o órgão tem espalhadas pelo território brasileiro.

A Embrapa de Campina foi inaugurada em 1975.

– O presidente da Embrapa ficou de enviar ao meu gabinete, em Brasília, a certificação por escrito de que a unidade campinense continuará a prestar relevantes serviços ao nosso setor agropecuário – enfatizou Lira.

paraibaonline

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo