O atendimento da 5ª Caravana do Coração começou nesta segunda-feira (26), pela manhã, em Cajazeiras, na Escola Técnica Regional. Foram atendidas crianças cardiopatas; mulheres com gravidez de risco e crianças com microcefalia dos 15 municípios polarizados por Cajazeiras. Além disso, gestores e profissionais de saúde da Atenção Básica da região participaram de cursos sobre pré-natal humanizado e repasse de tecnologias da Caravana. Nesta terça (27), a equipe chega a Sousa, onde o atendimento acontecerá na UFCG, no centro da cidade. Ao todo, a Caravana percorrerá 13 cidades até o dia 8 de julho. O projeto é resultado de parceria entre o Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, com a ONG pernambucana Círculo do Coração.

“Na Regional de Cajazeiras, todos os municípios são bastante receptivos, cooperando com a logística do projeto, fornecendo alimentação e hospedagem para a equipe e transporte para os pacientes. Eles fazem isso por entender que este é um dos melhores projetos de saúde que há”, disse a gerente da 9ª Regional de Saúde, Amélia Fonseca.

A primeira paciente do dia já foi encaminhada para o Hospital Arlinda Marques, em João Pessoa. A adolescente Lorrayne Félix da Silva, de 16 anos, de Cachoeira dos Índios, fez cirurgia do coração durante o mutirão que ocorreu no Hospital Geral de Mamanguape, em 2015. “A Caravana acompanha Lorrayne desde a primeira edição. Foi feita a cirurgia e hoje, por meio de exames, foi detectada uma infecção grave”, explicou a coordenadora da Caravana e presidente da ONG pernambucana, Círculo do Coração, Sandra Mattos.

Ana Clara, de 8 anos, também é acompanhada pela Caravana. Em agosto do ano passado, ela fez cirurgia e hoje veio para o retorno. “É muito importante este trabalho. Se não fosse esta Caravana eu nem imagino o que seria da saúde da minha filha”, disse a dona de casa Lidiana Cristina da Silva.

Segurança também é o sentimento dos pais de Anny Ester em relação à Caravana. Ela tem microcefalia e está com um ano e quatro meses. Passou pela avaliação de uma equipe formada por fonoaudióloga, fisioterapeuta e nutricionista. “Se fosse pra dar uma nota a Caravana, eu daria 1000 porque foi a partir deste trabalho que descobrimos que nossa filha tem baixa visão, o tórax alterado e recebemos todas as orientações necessárias”, disse a professora Elizângela Josefa da Silva.

Uma das novidades da Caravana do Coração deste ano é o atendimento às mulheres com gravidez de alto risco, para evitar a mortalidade materna. Raiane Alves, de 19 anos, está grávida de oito meses. Ela mora em Triunfo, onde faz o pré-natal. “Fui encaminhada pra cá porque, no pré-natal, detectaram um problema com o bebê. Acho importante ouvir outras opiniões. Fortalece mais a nossa saúde e nos dá mais segurança”, comentou.

 

 

 

Programação:

26/06  –  Cajazeiras

27/06  –  Sousa

28/06  –  Catolé do Rocha

29/06  –  Pombal

30/06  –  Patos

01/07  –  Itaporanga

02/07  –  Princesa Isabel

03/07  –  Monteiro

04/07  –  Esperança

05/07  –  Picuí

06/07  –  Guarabira

07/07  –  Itabaiana

08/07  –  Mamanguape

Paraiba.pb.gov