Foto: Codecom/CG

O preço do gelo que será consumido dentro do Parque do Povo está causando problemas entre o fornecedor exclusivo e os barraqueiros.

É que o menor pacote do produto vai custar R$ 4 sendo que no ano passado o preço era de R$ 1,50. O preço do pacote maior ficava entre R$ 15 e R$ 18 e agora vai custar R$ 20.

Como esses são os valores repassados para os comerciantes, o presidente da Associação dos Barraqueiros do Parque do Povo, Lucinei Cavalcante, acredita que os preços vão onerar o valor das bebidas para o consumidor final.

Segundo Lucinei, o responsável pelo gelo disse que o custo de operação dentro do Parque do Povo ficou muito alto e por isso não teria como comercializar o gelo com um preço menor.

O presidente da associação ressaltou que são 224 barraqueiros fixos e 141 ambulantes que precisam diariamente do gelo e que este consumo poderia garantir uma boa margem de lucro para o responsável.

– Isso tudo veio em torno da exclusividade de se comprar apenas àquele fornecedor de gelo. Porém temos outro fornecedor localizado ao lado do Parque do Povo, e a Aliança poderia liberar a comercialização a outros fornecedores. Caso contrário, vamos ter que comprar muito acima do valor de mercado – lamentou.

Como solução, Lucinei disse que se o valor não baixar, os barraqueiros vão entrar com ação no Procon municipal, pois quem deve sofrer com todo o reajuste será o consumidor final.

 paraibaemdestaque com codecom